17/03/08

Saboroso Acaso

A mais maravilhosa de todas as coisas na vida é a descoberta de outro ser humano com quem se tem uma relação de brilhante profundidade, beleza e alegria com o passar dos anos.

Esta progressão interior de amor entre dois humanos é a mais maravilhosa, não pode ser encontrada procurando ou por desejá-la intensamente. É uma espécie de Divino acidente.

Sir Hugh Walpoe
(traduzido por mim, para ti)

1 comentário:

Book Girl disse...

Há quem passe toda a vida à procura do amor da sua vida sem nunca o encontrar. Já eu, posso considerar-me uma previligiada por te ter a ti e pelo nosso Divino Acidente. ***